milky-way-rocks-night-landscape-167843

Importante centro intraterreno que com Aurora e Miz Tli Tlan forma a triangulação energética chamada Centros Maiores, ativada de modo especial nestes tempos para levar a cabo a transição do planeta Terra. Sua principal cidade localiza-se na região intraterrena da Província de Córdoba (Argentina), onde projeta luzes etéricas também na superfície. Essa exteriorização, bem como a aparição de naves que percorrem os céus daquela área, é mais do que uma simples exposição de realidades suprafísicas: promovem expansões de consciência nos seres humanos e a abertura de canais sutis nas partículas materiais que contatam, o que permite mais livre expressão da energia espiritual e elevação das vibrações do planeta, sintonizando-o com a vida superior.

ascensao677

A civilização de Erks é o destino de alguns seres humanos da superfície da Terra que se auto-convocaram para servir ao Plano Evolutivo nestes tempos. Nos planos internos, Erks acolhe os que se voltam para a realização espiritual.

Seu nome tem significados vários. Deriva da palavra erk, do idioma Irdin, sendo esta uma espécie de prefixo que engloba e transcende o sentido de reverência, receptividade e devoção ao sagrado. É também uma sigla \”Encontro dos Remanescentes Kósmicos Siderais\”, que fornece chaves sobre a sua constituição, levando-se em conta que em certos textos esotéricos kosmos, grafado com k, tem acepção mais ampla e universal do que se estivesse com c. Sua função atual, como centro planetário e civilização suprafisica, é abrangente. Erks é a sede do conhecimento iniciático e do despertar da nova espiritualidade. É das principais bases de operações destinadas ao resgate dos habitantes da Terra. Exprime-se desde o nível cósmico até o físico sutil; por sua onipresença.

Em Erks há um estado de consciência simbolicamente denominado Templo da Esfera, onde é realizada a maioria das Iniciações planetárias. Também nesse Templo estão sediados os grupos internos atuantes na terra; por isso, independentemente da qualidade de Raio de um ser, se ele busca a elevação, há em si espontânea receptividade em relação a Erks. Este centro desvela a vida espiritual aos que podem conhecê-la e coloca-os diante dos limiares da existência divina. É o centro no qual a Hierarquia se polariza quando deve definir os passos para cada fase do planeta. Erks acolhe, portanto, suas congregações e concílios internos, e também as consciências de mundos distantes que vêm em auxílio da Terra.

Situado na Montanha do Orenouco em Córdoba na Argentina, este Centro é regido por ASTHAR SHERAN e THAYKHUMA.

Aqui estão sendo preparadas as condições para o resgate dos chamados \”JUSTOS\”, sendo que das diversas campânulas subterrâneas existentes sob diversos países serão reunidos em ERKS, para a evacuação geral que tenha de ser feita. O nome significa \”Encontro de remanescentes Cósmicos e Siderais\”.

THAYKHUMA é a Hierarquia da MÃE Cósmica e é Ela que opera os Espelhos Comunicantes neste Centro. O Guardião deste Centro foi o Pleyadiano SARUMAH, que viveu em corpo físico terrestre como médico em Buenos Aires até ao seu assassinato. Chamava-se Angel Christos Acoglianis, e era Grego. A missão deste Ser é continuada pela sua mulher, Betty Acoglanis e com a ajuda do seu filho Acoglianis. Na Serra do Orenouco veem-se entrar e sair naves, bem como as torres da cidade subterrânea saem à superfície à noite, iluminadas

FONTE: http://auroracurativa.blogspot.com.br/